Pragas

MEL CRU BIOLÓGICO DE MONTANHA. - Puro, bio e 100% português. Produzido nas remotas montanhas de São Pedro do Sul - intocado território das Montanhas Mágicas©. Mel das florações de urze e castanheiro.

Varroa destructor, conhecido pelo nome comum de Varroa, é um ácaro ectoparasita, pertencente à superordem Parasitiformes, que infesta, colónias de abelhas das espécies Apis cerana e Apis mellifera, dizimando as colmeias ao causar a doença chamada varroose ou varroatose.

Os ácaros Varroa destructor só se podem reproduzir em colónias de abelhas. O ácaro adere ao corpo da abelha e a enfraquece, sugando a hemolinfa. Neste processo, os vírus ARN – vírus deformador da asa, disseminam-se entre as abelhas. Uma significativa infestação do ácaro levará à morte de uma colónia de abelhas, geralmente entre o final do outono e o começo da primavera.

O ácaro Varroa é o parasita com o impacto económico mais significativo no setor da apicultura. Pode ser um fator que contribui para a desordem do colapso da colónia, como a pesquisa mostra que é o principal fator para o distúrbio de colapso das colónias em Ontário, Canadá e nos EUA.

Para além da mortalidade gerada pelo ácaro, na tentativa de tratar as colmeias, apicultores servem-se de produtos fito-sanitários, os quais deixam resíduos químicos na cera da abelha detetáveis por até cinco anos.

Os métodos naturais de tratamento, aprovados pelos organismos de certificação biológico, são menos agressivos às colónias, todavia exigem acompanhamento contínuo de modo a prevenir a mortalidade das colmeias. Fica, contudo, salvaguardada a qualidade do produto visto que as colmeias não são expostas a pesticidas.